28 maio 2012

JESUS SEMPRE SERÁ O MAIOR


Jesus é Maior

Jesus Cristo, ontem e hoje, é o mesmo e o será para sempre” (Hb 13.8).
O brado “Allahu Akbar” é ouvido diariamente de todos os minaretes. Normalmente a expressão é traduzida como “Alá é grande”. Na verdade, o significado correto de “Allahu Akbar” – e este é o sentido que todos os muçulmanos lhe dão – é: “Alá é maior”. Alá é maior que Yahweh (Javé), Alá é maior que o Deus da Bíblia, Alá é maior que tudo. Não há nada que chegue perto dele.
A declaração de fé muçulmana é: “Não há deus além de Alá e Maomé é o seu profeta”. Do ponto de vista muçulmano, essa verdade é inabalável. Por isso, fico muito espantado quando as mesmas pessoas que têm grandes dificuldades com as declarações absolutas da Bíblia, e consideram intolerantes, discriminatórias e fundamentalistas as afirmações de Jesus (como:“Ninguém vem ao Pai senão por mim” – Jo 14.6), defendem com veemência o direito dos islâmicos construirem mesquitas e minaretes nos países ocidentais. Essas pessoas até acham que é um enriquecimento cultural ouvir os muçulmanos gritando diariamente a sua própria declaração absoluta: “Alá é maior!”. Diante de duas declarações absolutas:
– do islã: elas não vêem nenhum problema.
– da Bíblia: elas a consideram discriminatória, sem opção para o diálogo.
Essa é uma perfeita demonstração da cegueira do mundo ocidental, dos políticos, de muitas igrejas e da sociedade!
Porém, nesta mensagem não pretendo falar do islã, mas usar a Epístola aos Hebreus para mostrar quem realmente é maior. A Carta aos Hebreus foi escrita primordialmente para judeus que haviam se tornado crentes em Jesus e que O reconheceram como o Messias. Mas entre esses judeus havia alguns que apenas acompanhavam os demais, que tinham sido tocados pelo testemunho a respeito de Jesus, mas não tinham tomado uma clara decisão pessoal.
E, então, essa epístola mostra enfaticamente: Jesus é maior! Maior do que tudo o que os judeus conheciam até aquele momento.

Jesus é maior

A Carta aos Hebreus faz algumas comparações para demonstrar com clareza que Jesus é maior que tudo.
Por exemplo, Jesus é maior que os anjos: “...tendo-se tornado tão superior aos anjos quanto herdou mais excelente nome do que eles. Pois a qual dos anjos disse jamais: Tu és meu Filho, eu hoje te gerei? E outra vez: Eu lhe serei Pai, e ele me será Filho? E, novamente, ao introduzir o Primogênito no mundo, diz: E todos os anjos de Deus o adorem” (Hb 1.4-6).
Naquela época circulava um falso ensino que colocava Jesus no mesmo nível que os anjos, e que chegava até mesmo a considerar o arcanjo Miguel superior ao Messias esperado. E aqui a Palavra de Deus nos diz: “Ora, a qual dos anjos jamais disse: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos por estrado dos teus pés?” (v.13).
Jesus também foi maior que Moisés: “Por isso, santos irmãos, que participais da vocação celestial, considerai atentamente o Apóstolo e Sumo Sacerdote da nossa confissão, Jesus, o qual é fiel àquele que o constituiu, como também o era Moisés em toda a casa de Deus. Jesus, todavia, tem sido considerado digno de tanto maior glória do que Moisés, quanto maior honra do que a casa tem aquele que a estabeleceu” (Hb 3.1-3).
Para os judeus não havia ninguém maior e mais sublime que Moisés. Então foi dito a eles: Jesus é maior que Moisés. Em outras palavras: ninguém é maior que Jesus! Essa afirmação beira a provocação. Se hoje você disser a um judeu ortodoxo que “Jesus é maior que Moisés”, trate de ter certeza de que está usando bons calçados para corrida.

Se hoje você disser a um judeu ortodoxo que “Jesus é maior que Moisés”, trate de ter certeza de que está usando bons calçados para corrida.
Mas o autor da Carta aos Hebreus – naturalmente inspirado por Deus – não se importava com a reação que essa declaração geraria. A ele importava proclamar a verdade. Um teólogo liberal, histórico-crítico, aberto ao diálogo e de pensamento livre, certamente não tentaria desagradar a ninguém. “Jesus é maior que Moisés – Ah!, não, não posso escrever isso, os judeus vão se sentir excluídos. Jesus é maior que Maomé – de jeito nenhum, isso só vai provocar os muçulmanos. Jesus é maior que os anjos – pode ser, mas seria melhor expressar menos absolutismo. Será suficiente escrever: Jesus é maior que os anjos, mas é perfeitamente possível pensar de forma diferente a respeito”.
É claro que nossa intenção não é provocar, mas impedir que a verdade seja silenciada. E isso inclui deixar claro para judeus, muçulmanos e todas as outras pessoas: Jesus é maior! Essa é a verdade, e ninguém nos impedirá de dizê-la, seja lá qual for a lei antidiscriminação que estiver em vigor.
Jesus é maior que Arão, o maior sumo sacerdote de Israel: “Tendo, pois, a Jesus, o Filho de Deus, como grande sumo sacerdote que penetrou os céus, conservemos firmes a nossa confissão” (Hb 4.14). Arão não era um qualquer, mas o sumo sacerdote por excelência; instituído no cargo pelo próprio Deus. Arão foi um homem de Deus e merece honra, assim como Moisés. Mas, mesmo assim, ele tinha suas fraquezas, como afirma Hebreus 7.28: “Porque a lei constitui sumos sacerdotes a homens sujeitos à fraqueza, mas a palavra do juramento, que foi posterior à lei, constitui o Filho, perfeito para sempre”.
Jesus é maior, pois Jesus é o único Sumo Sacerdote que penetrou os céus sem pecado, e isso por toda eternidade.

Desprezo da graça

Esta lista de “Jesus é maior que...”, que na verdade é incompleta, revela o que os hebreus abandonariam se voltassem para os rituais e tradições do judaísmo. É exatamente desse problema que a Carta aos Hebreus trata em alguns trechos. Os leitores judeus foram confrontados com o Evangelho proclamado pelos apóstolos e pelos judeus crentes em Jesus. Eles viam os sinais e milagres, a autoridade e o poder do Espírito Santo que atuava nos apóstolos. A graça, a obra redentora do Gólgota e toda a grandeza de Jesus Cristo eram retratadas diante de seus olhos. E, de alguma forma eles conseguiam entender tudo isso – com a mente – mas, infelizmente, não com o coração. De alguma maneira eles criam, mas não colocavam a fé em prática. Iam às reuniões, participavam delas. Mas alguns acabavam voltando atrás, e assim, como diz a Carta aos Hebreus, calcam aos pés o Filho de Deus. Desprezaram a graça que havia sido revelada em Jesus Cristo (Hb 10.29).
Esses judeus voltavam a considerar Moisés maior que Jesus. Colocavam Arão, o sumo sacerdote de seus pais, novamente acima de Jesus, o único verdadeiro e perfeito Sumo Sacerdote. Deixavam a verdade e abandonavam o perfeito em favor do imperfeito. Que tragédia! Tinham experimentado a verdade, ouviram da graça e da fé, tinham chegado tão perto e mesmo assim voltaram a refugiar-se na imperfeita obra humana.
Esse comportamento é igual ao de um homem condenado com justiça e que dá entrada a uma petição de indulto. Mas quando esse indulto está para ser concedido, ele volta a reportar-se à lei que o condenara. Ele recusa a graça de forma consciente.

“Marias-vão-com-as-outras”

Até hoje encontramos pessoas assim nas igrejas e reuniões; elas experimentaram a graça e sabem muito bem o que Jesus realizou na cruz do Gólgota. São cristãos que crêem e compreendem com o intelecto, que vão à igreja e estão presentes em todas as programações cristãs. Mas não colocaram em prática o seu conhecimento teórico, aquilo que compreenderam com a mente. Só crêem com o entendimento, mas não com o coração. São religiosos, até piedosos, mas não nascidos de novo. É a esses seguidores que a Palavra adverte para que prestem atenção no que a Escritura diz. São exortados a não somente ouvir, mas a internalizar a Palavra, guardando-a, considerando-a e principalmente praticando-a (cf. Hb 2.1).
Via de regra esses seguidores escolhem o caminho do menor esforço e não chamam a atenção. Mas assim que enfrentam alguma oposição, a real situação da sua fé é revelada. A mesma coisa acontecia com os hebreus naquela época. Foram levados a um ponto em que tiveram de tomar uma decisão muito clara: “Todavia, o meu justo viverá pela fé; e: Se retroceder, nele não se compraz a minha alma. Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição; somos, entretanto, da fé, para a conservação da alma” (Hb 10.38-39).
Como fica a nossa fé quando somos submetidos a doenças e sofrimentos? Recuamos, frustrados e desencorajados, ou bradamos em alta voz: “Jesus ainda é maior”? Como fica a nossa igreja, se não pudermos mais nos reunir livremente ou até mesmo sofrermos ameaças? O grupo baixará de 60 para 20 ou 10 participantes? Como eu fico se não puder mais pregar livre e desembaraçadamente a Palavra de Deus? Será que vou continuar anunciando: “Porquanto, para mim, o viver é Cristo, e o morrer é lucro” (Fp 1.21)? Ou será que vou preferir fazer palestras sobre a Branca de Neve e os sete anões?
Jesus é maior, não só quando estamos bem, mas principalmente quando a água chega ao pescoço (cf. Hb 3.14).

Jesus realizou o sacrifício completo

Vejamos agora alguns fatos que os destinatários da Carta aos Hebreus também tiveram de encarar. O sacerdócio levítico, um componente importante da Antiga Aliança, não atingiu a perfeição em nada. Podemos pensar que essa seria uma nova provocação para os leitores judeus, mas trata-se da verdade, da Palavra de Deus: “Se, portanto, a perfeição houvera sido mediante o sacerdócio levítico (pois nele baseado o povo recebeu a lei), que necessidade haveria ainda de que se levantasse outro sacerdote, segundo a ordem de Melquisedeque, e que não fosse contado segundo a ordem de Arão?” (Hb 7.11).
O sacerdócio do Antigo Testamento oferecia ao povo de Israel a oportunidade de arrepender-se e obter perdão, mas, devido à constante repetição dos pecados, nunca chegava a um encerramento. Somente em Jesus Cristo o perdão é definitivo e perfeito, porque Ele, que era sem pecado, tomou sobre si todos os nossos pecados e nos redimiu. Jesus não somente entrou no Santo dos Santos, mas penetrou nos céus e agora está sentado à direita de Deus para ali interceder por nós.
Prezado leitor, Jesus Cristo é seu Intercessor pessoal diante do Pai celeste, não somente por um ano, mas por toda a eternidade (Hb 9.24-28).
A lei também não trouxe a perfeição, como diz Hebreus 7.19. Da mesma forma, os sacrifícios do Antigo Testamento, que pela lei tinham de ser trazidos repetidamente, também não podiam aperfeiçoar os israelitas (Hb 10.1; cf. também o capítulo 9), mesmo que a lei fosse boa e Israel tivesse a obrigação de cumpri-la. Afinal, a lei não era obra de homens, mas dada por Deus.
Mas Jesus é maior! Jesus é o Sacerdote perfeito, maior que o templo e maior que o sábado (Mt 12.6,8). Jesus é o sacrifício perfeito. Nenhum sacrifício humano, nenhum serviço sacerdotal e nenhuma lei podem contribuir para a salvação. Esse fato vale para todos os homens. Lavar-se no Ganges não trará salvação para nenhum hindu. Nenhuma meditação levará o budista ao céu. Nenhuma vela dará fruto permanente ao cristão e nenhuma peregrinação conduzirá o muçulmano ao céu. Por isso Moisés nunca será o maior, pois também ele era imperfeito:“Porque a lei foi dada por intermédio de Moisés; a graça e a verdade vieram por meio de Jesus Cristo” (Jo 1.17). Jesus é maior!
Por isso, o brado do muezim, do alto dos minaretes: “Alá é maior!”, não corresponde à verdade. Afinal, o Corão nem mesmo promete certeza de salvação. O islã também não conhece um sacrifício perfeito; a própria pessoa precisa lutar e batalhar: “você deve”, “você deve” e “você deve” – e mesmo assim você não pode ter certeza da salvação.

O brado do muezim, do alto dos minaretes: “Alá é maior!”, não corresponde à verdade. Afinal, o Corão nem mesmo promete certeza de salvação.
Esse sacrifício vicário perfeito pelos pecados do ser humano, que é totalmente desconhecido em outras religiões, só é encontrado na Bíblia – cumprido e consumado em Jesus Cristo. Como algo imperfeito pode ser maior do que aquilo que é perfeito? Sem chance! Somente a obra de salvação do Gólgota, cumprida em e por Jesus Cristo, é perfeita. Ele mesmo proclamou na cruz: “Está consumado!” (Jo 19.30). E quando algo está consumado, consumado está, perfeito está. Isto é, nada mais precisa ser acrescentado. A salvação está consumada, já foi confirmada, mas apenas na cruz do Gólgota e em nenhum outro lugar. De nada adianta as pessoas dizerem que isso é intolerância. Pode até ser, mas ainda assim só posso dizer: “E daí? Afinal, é a verdade!”.
Se afirmo que o cogumelo mata-moscas é venenoso, algumas pessoas podem achar que essa afirmação é intolerante, mas ela não deixa de ser verdade. E é disso que se trata! Não devemos dizer às pessoas aquilo que elas querem ouvir, mas a verdade. Se alguém, em sua falsa tolerância, quiser comer um prato de cogumelos venenosos, que fique à vontade; mas também terá de viver (ou, neste caso, não viver) com as conseqüências.

Perfeito em Jesus

Jesus é maior. Jesus é singular. E Jesus é o único caminho para reconciliar-se com Deus, o Pai. Jesus Cristo é a Palavra de Deus encarnada. Jesus Cristo é o caminho, a verdade e a vida.
Jesus é perfeito até a eternidade (Hb 13.8). Ele entrou no maior e mais perfeito tabernáculo, como diz a bela descrição em Hebreus 9.11-12. Por meio de Seu próprio sacrifício, quando o próprio Jesus se entregou, Ele tornou os crentes perfeitos para sempre: “Porque, com uma única oferta, aperfeiçoou para sempre quantos estão sendo santificados” (Hb 10.14).

É preciso imaginar a cena. A Bíblia, a Palavra de Deus, chama-nos de perfeitos e justos! Mas quando olhamos no espelho, vemos o contrário. E mesmo assim somos justos e perfeitos aos olhos de Deus. Isso não é normal, como pode acontecer? Por meio do precioso sangue de Jesus Cristo, que Ele derramou por você e por mim, somos realmente perfeitos e justos aos olhos de Deus. Deus não nos vê mais como somos, mas através de Seu Filho Jesus Cristo.
No momento em que uma pessoa chega à fé em Jesus Cristo e coloca toda a sua vida nas mãos de dEle, Deus não olha mais para sua verdadeira natureza, mas em e por meio de Seu Filho Jesus Cristo: “E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas” (2 Co 5.17). E em e por meio de Jesus somos agora justificados e aperfeiçoados. Isso não é extraordinário?
Pergunto: qual religião pode oferecer algo apenas remotamente parecido? Nenhuma! Isso só pode ser encontrado na Palavra de Deus.

Agarre o melhor!


Não devemos dizer às pessoas aquilo que elas querem ouvir, mas a verdade. Se alguém, em sua falsa tolerância, quiser comer um prato de cogumelos venenosos, que fique à vontade; mas também terá de viver (ou, neste caso, não viver) com as conseqüências.
Jesus Cristo: o mundo nunca viu alguém maior e mais perfeito! Maior do que tudo que o judaísmo já conheceu. Maior do que Moisés, Arão, Davi, Salomão (Mt 12.42) ou Jonas (Mt 12.41). A Carta aos Hebreus diz aos judeus: “Não confiem em Moisés, não confiem em Arão nem nos outros sacerdotes; não confiem em Davi nem nos outros reis!” Hoje diríamos: “Não confiem em seus rabinos, não confiem em seus estadistas e também não confiem no seu poderio militar! Não confiem nos sacrifícios, no sacerdócio nem na lei, mas agarrem o melhor, o maior, isto é, a graça em Cristo Jesus”.
Brademos a todas as pessoas: “Não confie em você mesmo, não confie na sua habilidade nem na sua força, não confie em pessoas, nem em Maria ou algum protetor ou santo, nem no seu pastor ou bispo, nem na sua instituição ou organização. Não confie na política, na economia ou na ciência. Não confie em seu guru nem em sua religião. Não! Olhe antes para a cruz, pois: Jesus é maior!”
...de glória e de honra o coroaste e o constituíste sobre as obras das tuas mãos. Todas as coisas sujeitaste debaixo dos seus pés. Ora, desde que lhe sujeitou todas as coisas, nada deixou fora do seu domínio...” (Hb 2.7-8).
• Em Jesus temos uma esperança melhor (Hb 7.19).
• Por meio de Jesus possuímos uma aliança melhor e, com ela, melhores promessas (Hb 7.22; Hb 8.6).
• Temos um sacrifício melhor; na verdade, um sacrifício perfeito, não de animais, mas do Cordeiro vicário Jesus Cristo, que se deu voluntariamente e de uma vez por todas em nosso lugar (Hb 9.23-28).
• Temos um patrimônio superior (Hb 10.34).
• E, por fim: temos uma ressurreição melhor; nada de voltar para um corpo mortal, como ensina o hinduísmo, mas uma ressurreição com um corpo glorificado espiritual e imortal (Fp 3.20-21; 1 Jo 3.2-3).
Vamos resumir: Jesus é maior! É justamente esse fato que a Bíblia, a infalível e viva Palavra de Deus, pretende nos apresentar. É justamente o que o autor da Carta aos Hebreus – inspirado por Deus – apresentou aos judeus, a fim de encorajá-los e exortá-los a permanecerem firmes nessa Palavra.
É tolo quem desiste e abandona o Melhor, Maior e Perfeito. Consideremos o que diz Provérbios 3.5-7: “Confia no Senhor de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento. Reconhece-o em todos os teus caminhos, e ele endireitará as tuas veredas. Não sejas sábio aos teus próprios olhos; teme ao Senhor e aparta-te do mal!”.
O que permanece é a constatação: Jesus é maior! (Thomas Lieth - http://www.chamada.com.br)

25 maio 2012

MTV desiste de programa de reality de perda da virgindade -


  • virgem-mtv-660.jpg
A rede que nos trouxe "Jersey Shore" e "mãe adolescente" foi preparando para diminuir a barra um pouco mais, um aviso de fundição este mês à procura de pessoas com 18 anos ou mais, que seria "candidata a perderem a virgindade na MTV para acompanhá-lo na jornada em direção a "perdê-lo '." 
E por "ele" que significava "a virgindade."
"Você quer levar as coisas para o próximo nível? Tipo, você está pronto para entregar o seu cartão de V? Ou você tem um amigo que está pronto para perder? Adulto jovem é um momento para a exploração. Novas relações, experiências e novas estreias sexuais ", dizia o aviso de vazamento. "Agora MTV está olhando para capturar francamente que a jornada em uma nova série chamada My First. Estamos à procura de adultos que estão prontos para percorrer todo o caminho. Deixe MTV vir em sua jornada ... como você tenta perder a virgindade! "
A rede passou a notar que não seria "o filme ato em si. Duh. "Eles também disseram que seria filmado independentemente de um passei com a escritura.


Não surpreendentemente, a chamada de elenco para a fama sexo foi recebida com indignação em todo o webosphere com coisas tweeting muitos como "quando eu pensava que a MTV não poderia se rebaixar mais 'Jersey Shore', e 'mais uma razão pela qual eu estou contente que nós cancelado o nosso cabo de um ano atrás. " Ele ainda chamou a atenção da atriz Patricia Heaton, que o denominou "tão incrivelmente deprimente."
No entanto, parece que a resposta negativa levou o pessoal da MTV rapidamente o projeto de squash. Percebemos que, embora o aviso de vazamento não foi devido a fechar para aplicações até 28 de maio, já havia sido desativada.
"Este foi um aviso de elenco preliminar, e não estamos a avançar com um piloto", um representante da rede disse FOX411 coluna do Pop Tarts.
Mas a simples noção de que quinze minutos de fama e um salário gordo estava sendo anunciado em troca de "tentar" perder a virgindade é muito difícil para muitos pais e especialistas em mídia para o estômago.
"Viacom, dona da MTV, assim como BET, Nickelodeon e mais, deveria ter vergonha de que a sua empresa está se curvar à sarjeta", disse Dan Gainor, vice-presidente do Centro de Pesquisa de Mídia. "Isso é parte da tentativa de mídia para ironizar as pessoas que têm a moral e para tratar a virgindade como uma doença que deve ser curado. Programadores de rede não estaremos satisfeitos até que eles são capazes de realizar combates de gladiadores ao vivo no ar com o público a votar sobre se o perdedor começa a viver. "
De acordo com Nicole Clark, autor e diretor do documentário "Cultura Cover Girl", a MTV vai simplesmente fazer qualquer coisa para atrair o público.
"Os adultos sabem quão fortemente as meninas / rapazes desejam atenção e reconhecimento. Oferecendo fama com as meninas que querem perder a virgindade só vai encorajar as raparigas a participar, sem considerar as repercussões para o seu futuro ou de saúde mental ", disse ela." É irresponsável. "


Empresa lançará sensor de movimentos 100 vezes mais apurado que Kinect


Desenvolvedores esperam que o dispositivo 'transforme a maneira como as pessoas interagem com os computadores'
22 de Maio de 2012 | fonte OLHAR DIGITAL


Leap Motion
A empresa americana Leap Motion anunciou um sistema de controle de gestos para concorrer com o Kinect, da Microsoft.

Segundo informações do site do produto, o aparelho é pequeno, mas, além de permitir comandar laptops e desktops apenas com gestos, consegue rastrear um movimento com cerca de 0,01 milímetros de precisão. Isso significa que seu nível de apuração é cerca de 100 vezes maior que o sensor do Kinect ou de qualquer outro dispositivo do mercado.

Criado por David Holz, que trabalhou na NASA, e Michael Buckwald, ex-CEO da Zabuba.com, o Leap tem o tamanho de um iPod e consiste em um pequeno aparelho USB com sensores e câmeras que, em conjunto com o software da companhia, podem rastrear múltiplos objetos e reconhecer gestos das mãos e dos dedos do usuário, criando um espaço interativo em 3D entre ele e o computador.

"É como o primeiro dia em que um mouse foi utilizado. Mas com a diferença de que ninguém precisa de um manual de instruções para suas mãos", afirma o texto de introdução do produto em sua página oficial. "Desenvolvido nos últimos quatro anos, ele é muito mais inovador do que as tecnologias atuais para os movimentos de braço distantes da tela".

O dispositivo está em pré-venda nos Estados Unidos e tem previsão de lançamento para o começo de 2013 pelo preço de US$ 69,99 (R$ 140, na cotação atual). O software será compatível com os sistemas Windows e Mac OS X. Os desenvolvedores esperam que ele "transforme a maneira como as pessoas interagem com os computadores".

Enquanto isso, a Leap Motion também liberou um kit de desenvolvimento (SDK) para qualificar programadores interessados em desenvolver aplicações para o sistema. Alguns deles poderão ganhar gratuitamente o Leap.

Abaixo você assiste a um vídeo demonstrativo com alguns recursos disponíveis no Leap, como a navegação na internet, escrita, desenhos, jogos e modelagem 3D usando apenas os movimentos de uma mão ou caneta especial:



21 maio 2012


Mas nem todos têm obedecido ao evangelho; pois Isaías diz: Senhor, quem creu na nossa pregação?
De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus.
Mas digo: Porventura não ouviram? Sim, por certo, pois Por toda a terra saiu a voz deles, E as suas palavras até aos confins do mundo. 
Romanos 10:16-18


A fé é algo que gosto de falar pois ela é a base de todas as coisas que nos levam a Deus o fundamento como diz a palavra de Deus em Hebreus capitulo 11,1 "A fé é o firme fundamento "  sem ela não podemos crer em JESUS, sem ela não podemos crer que o milagre vai acontecer , e o mais importante sem ela não agradamos a Deus heb 11-6, a bíblia diz que é impossível agradar a Deus sem fé.
O homem tem a fé natural, que já está nele, nascemos com ela, essa fé natural é aquela que nos impulsiona a fazer coisas que antes pensamos planejamos e fazemos por exemplo, temos um projeto de uma casa primeiro pensamos depois colocamos no papel, e depois começamos a obra, tudo começou na mente e todos tem essa fé natural , essa fé natural pode até mesmo curar doenças. 
Tem curandeiros por ai que curam porque ? por que as pessoas ficam sabendo que ele cura e vão até ele e muitos já saem de casa dizendo vou lá pois vou ficar curado(a) ,e acontece pois essa fé natural todos tem, porem essa fé não agrada a Deus . 
Se a fé vem pelo ouvir da palavra de Deus devemos ouvir e ler e continuar nos esforçando para ter a fé verdadeira a fé salvadora que é a fé que vem de ouvir a palavra de Deus que cremos no salvador enviado por Deus o messias o filho de Deus que morreu por nossos pecados,e levou sobre si nossas enfermidades,dores veja o que o profeta Isaías diz sobre Ele :Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. 
Isaías 53:4
O Deus de alianças sim o nosso Deus sempre teve um plano de salvação para o homem, ele enviou profetas homens para fazerem alianças com o povo mas todos foram rejeitados Ele mesmo se fez homem veio para dar sua vida por todos nós e assim nos dar a vida eterna uma obra completa .
Eu não sei se a Fé natural pode ser medida mas sei que a fé sobrenatural pode, quando JESUS diz para aquela mulher grande é tua fé veja:
Então respondeu Jesus, e disse-lhe: O mulher, grande é a tua fé! Seja isso feito para contigo como tu desejas. E desde aquela hora a sua filha ficou sã.
Mateus 15:28
Em outra ocasião Jesus  comenta sobre a fé de seus discípulos veja :
E Jesus, percebendo isso, disse: Por que arrazoais entre vós, homens de pouca fé, sobre o não terdes trazido pão? 
Mateus 16:8 

A fé para nós cristãos ela é necessária,para cremos em Deus pois nós crendo em Deus agradamos a Ele sendo Ele o autor e consumidor de nossa fé, os milagres em sua vida podem acontecer e devem acontecer a cura pode chegar mas isso depende de sua fé . Concluo esse pensamento dizendo onde você firmou sua casa na rocha que é Cristo ou na areia que é o mundo? 
Quem está na areia firmado vem as tempestades da vida, a chuva o vento as ondas e leva tudo que está sobre ela , mas se você tem sua casa firmada na rocha vem o vento a tempestade ,a chuva , as ondas mas sua casa fica firme ,isso é quando estamos firmado na palavra que é Cristo nada nos destruirá  nossa Fé verdadeira.
Gostaria de enviar para seu endereço de e-mail um estudo completo sobre a fé caso você queira deixe um comentário e  seu email para que eu possa lhe enviar esse estudo. obrigado por sua atenção e fique com Deus 
PR. JOÃO PAIM 


20 maio 2012

Rede Record proíbe música gospel em reality infantil ‘Ídolos Kids’


A Rede Record, que é ligada à Igreja Universal do Reino de Deus, proibiu crianças que estão se inscrevendo para o “Ídolos Kids” de cantar músicas gospel, segundo informações da Folha.
Apresentado por Cássio Reis, o reality estreará em agosto. Procurada, a emissora disse que ainda está na fase de inscrição e que não sabe o que as crianças cantarão. No ano passado, obispo Edir Macedo chamou os cantores gospel de “endemoniados”.
Programas nesse molde não são novidade na TV. O  quadro “Eu e as Crianças”, do Pograma Raul Gil, no SBT, recebe participantes de até 11 anos de idade para fazer diversos tipos de apresentações: dança, canto, dublagem, teatro e assistência de palco. No entanto, não há restrições de estilo musical.
Fonte: Folha

Não Há futuro para Israel na Palestina diz HAMAS



Hamas Ismail Haniyeh PMHamas diz primeiro-ministro delegação int'l em Gaza, "nós não reconheceremos Israel", segundo o Hamas-afiliado Al-Resalah.


Foto: REUTERS
O primeiro-ministro do Hamas Ismail Haniyeh disse a uma delegação pró-palestina internacional na sexta-feira que não há futuro para Israel "na terra da Palestina," Gaza portal de notícias Al-Resalah relatou.
Haniyeh estava falando em uma reunião em Gaza com delegados de vários países, incluindo Jordânia, Egito e Líbano.

Ele teria enfatizado a importância do direito de retorno dos refugiados palestinos, e elogiou a "vitória dos grevistas palestino"."Devemos viver até o nosso lema ... o que diz, nós não reconheceremos Israel", o Hamas-afiliado citou como dizendo.
Israel e os prisioneiros de segurança palestinas assinaram um acordo para acabar com uma greve de fome de 28 dias pelos presos na segunda-feira. De acordo com os termos do acordo, os prisioneiros palestinos cometidos a abster-se de lidar com a "atividades contra a segurança" dentro de limites de prisão. Em troca, eles vão receber os benefícios do Serviço de Prisões, incluindo o fim da separação da população prisional em geral, e as visitas familiares.  
O Hamas primeiro-ministro agradeceu também a delegação para seus esforços ", para aliviar o sofrimento do povo palestino na Faixa de Gaza sitiada, e reforçar a sua firmeza em suas terras."

Resumo marcha 2012

19 maio 2012

NO MUNDO TEM DOIS TIPOS DE PESSOAS AS BOAS E AS MÁS


Pode ser que você já tenha ouvido isso, mas estamos em um mundo onde existe bilhões de pessoas e a bíblia diz que no mundo tereis aflições , sim teremos aflições de forma simples atormentados por coisas do nosso dia a dia e intervenção do mundo invisível, sim pois as trevas que lutamos não podemos ver , assim também como a luz como na luz Ele está somente sentimos.
E esta é a mensagem que dele ouvimos, e vos anunciamos: que Deus é luz, e não há nele trevas nenhumas. 
1 João 1:5

Se dissermos que temos comunhão com ele, e andarmos em trevas, mentimos, e não praticamos a verdade.
Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado. 
1 João 1:6-7



Se andamos na luz somos pessoas boas ou tentamos assim ser pois o próprio Senhor Jesus disse :
E Jesus lhe disse: Por que me chamas bom? Ninguém há bom senão um, que é Deus. 
Marcos 10:18 

Mas com sua morte seu sangue nos purificou de todo o pecado, assim sendo somos limpos do pecado,e Ele é nosso advogado perante ao acusador o amor é fonte de riquezas intermináveis em sua vida, Ele nos amou primeiro e nos ensina ha amar , mas em nosso mundo atual continuamos, com dois tipos de pessoas BOAS E AS MÁS é simples assim mesmo sendo cristãos por titulo muitos são pessoas de ma índole, continuam a fazer o mal , participam da igreja são ofertantes dizimistas mas continuam ruins por dentro, são más elas querem levar vantagem em tudo e gostam de enganar e trapacear, mentir, e não fazer o bem mesmo sendo cristãs .
Ao natural há pessoas assim em todos os seguimentos de nossas vidas,nossos colegas de trabalho por exemplo  muitos não são cristãos,umbandistas ,espiritas muçulmanos, indus ,budistas, livre pensadores mas são pessoas boas que ajudam a humanidade e fazem sua parte, claro que vendo por nosso angulo pensamos , para esse falta só aceitar a JESUS como seu salvador e seria completo , conheço varias pessoas assim.
Os Cristãos de hoje estão preocupados com o sucesso dos outros e de curtir inveja contra irmãos que prosperam, quer ver isso é pegar esses pastores que estão na mídia  por exemplo são caçados pelos próprios cristãos, estamos longe de ser Cristãos a passagem que JESUS  ilustra o amor ou a misericórdia Ele mostra um homem caído abeira do caminho -lucas 10 32 -36 
Ele  conta essa história e pergunta no final -Qual, pois, destes três te parece que foi o próximo daquele que caiu nas mãos dos salteadores? 
Lucas 10:36 
Ser o próximo é nós quando podemos estender a mão para ajudar devemos fazer sem olhar a quem de uma maneira como fez o Samaritano que era rejeitado pelos  judeus , mas era um homem bom que estendeu sua mão ,curou as feridas ,colocou em um lugar para que fosse curado, e deu dinheiro para que o cuidasse dele ,mesmo não conhecendo ,
Não adianta você ter títulos e poses ou ser o mais fervoroso em oração , ou um pregador eloquente se você não for de um coração bom não tiver amor nada disso  tem valor para Deus.há uma passagem nas escrituras que retrata bem isso veja:
 Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;
Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me;
Estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e fostes ver-me.
Então os justos lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber?
E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? ou nu, e te vestimos?
E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te?
E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.
Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos;
Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;
Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes.
Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos?
Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim.
E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna. 
Mateus 25:34-46

Estender a mão fazer o bem muitos hoje fazem se é obras mortas não sei mas e nós que somos os que devem fazer o bem o que estamos fazendo? Será que já não precisamos mais fazer mais nada para melhorar a vida de outros em atos simples de dar a sua vez, em uma fila, de ter pouco mais de paciência no transito , de levar um prato de comida ao faminto, de agasalhar o que está sem roupas  por isso no mundo há dois tipos de pessoas 
AS BOAS E AS MÁS 
pense nisso quando estiver bem quentinho em sua cama, ou comendo com sua família o almoço de domingo ,ou na  sua igreja louvando a Deus ,muitos estão precisando de você .
até breve 
pr.JOÃO PAIM

18 maio 2012

A pior operadora de telefonia fixa e banda larga

Simples assim chama-se OI a antiga Telemar  aqui no Rio de janeiro a falta de respeito com os clientes é por demais estamos, falando de falta de Assistência técnica, a  má manutenção de seus equipamentos e o péssimo atendimento via telefone.
Estou em uma igreja que atende varias pessoas, Mas estamos sem telefone a mais de uma semana não somos atendidos pela oi , já contratamos a GVT que veio e instalou um novo numero no mesmo dia e nos deu uma internet melhor com 10 mega que funciona , que vergonha essa OI é uma porcaria nunca mais essa empresa entra em minha casa ou empresa faça o mesmo - vergonha é minha indignação com esses caras.

16 maio 2012

Atores de ‘Rei Davi’ viram astros em Portugal


The Christian Post > Entretenimento|Qua, 16 Mai. 2012 11:31 AM EST

PorKeyla Cezini | Correspondente do The Christ


A minissérie “Rei Davi”, exibida pela TV Record, fez muito sucesso no Brasil e também no exterior. Em Portugal, por exemplo, os atores da série são considerados verdadeiros astros da teledramaturgia.

  • Rei Davi
    (Foto: Divulgação/TV Record)
    Atores de ‘Rei Davi’ viram astros em Portugal

“Estive em Portugal e foi uma loucura o assédio do público comigo. A minissérie é um grande sucesso por lá também”, disse João em entrevista ao R7.
Em recente visita ao país, o ator João Vitti, que viveu Joabe, o “cão-de-guarda” e braço direito de Davi, se impressionou com o carinho do público português.
Paulo Figueiredo, que interpretou o personagem Aitofel, também esteve em Portugal e confirmou o sucesso da minissérie no outro continente.
“'Rei Davi’ tem um público imenso em Portugal, é sucesso mesmo. Em toda parte a gente é reconhecido e o nosso trabalho elogiado com sinceridade pelo público português. Nossa minissérie é vista com grande admiração pela qualidade técnica e artística”, contou ao R7.
A minissérie “Rei Davi” foi exibida na Europa, no Japão e nos Estados Unidos pela Record Internacional, ao mesmo tempo em que passava no Brasil. No caso do Japão, devido ao fuso-horário, os capítulos iam ao ar sempre com um dia de atraso.
No Brasil, “Rei Davi” foi sucesso de crítica e de audiência, chegando a liderar o Ibope por mais de 20 vezes na Grande São Paulo e no Rio de Janeiro.
A minissérie estreou no dia 24 de janeiro de 2012 e chegou ao fim no dia 3 de maio. Baseada em passagens bíblicas, ela contava a história de Davi, o humilde pastor de ovelhas que se tornou rei e transformou as doze tribos de Israel em uma grande nação. O foco da série foi a história de amor entre Davi e Bate-Seba, interpretada por Renata Domínguez.
O trabalho tem direção geral de Edson Spinello e texto de Vivian de Oliveira.

15 maio 2012

Como responder a argumentos a favor do aborto


Nota do Editor : Os nomes foram alterados para proteger o anonimato.

  • Caça junho

"Eu fui atacado há dois meses, e estou grávida por estupro."
Imagine que é a sua primeira noite de hospedagem em uma chamada nacional de transmissão de aconselhamento. 
O programa é ao vivo, as chamadas não forem rastreados e nenhum assunto é tabu. A música toca tema ... o produtor faz a contagem regressiva dos segundos ... "Três, dois, um, você está!" Então, você ouve essas palavras exatas:
Assim começou minha "Hope in the Night" primeiro programa de rádio em 1996. "O que você está pensando em fazer em relação a esta criança?"Perguntei o chamador jovem chamada Sarah, que revelou que ela já visitou uma clínica. "Eu estava pensando em fazer um aborto", respondeu ela.
Eu expressou tristeza sincera sobre situação de Sarah e gentilmente sondado para mais informações.Sentindo seu conflito sobre o aborto, nós começamos a discutir argumentos e respostas mais comuns, tais como:
A moralidade do aborto
• Argumento:  ". O aborto não é moralmente errado"Resposta:  Desde que a vida humana começa na concepção, então o aborto por opção torna-se assassinato premeditado. Êxodo 20:13 diz: "Não matarás".
O status de um feto
• Argumento:  ". Um feto não deve ser considerado como um bebê" Resposta:  Um feto não é uma massa de tecido. Palavra de Deus não faz distinção entre um "baby potencial" e um "recém-nascido." Na Bíblia, os mesmos brephos palavra grega, é usado para descrever. - um feto."Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, o bebê saltou no seu ventre" (Lucas 1:41). - bebês."As pessoas também foram trazendo bebês para Jesus para que ele tocá-los" (Lucas 18:15).


Os direitos reprodutivos das mulheres
• Argumento:  "Toda mulher deve ter o direito de controlar seu próprio corpo." Resposta:  Sim, ela deveria, mas na gravidez há. - 2 corpos diferentes - 2 batimentos cardíacos diferentes - 2 padrões de ondas cerebrais diferentes - 2 diferentes códigos genéticos (DNA) - geralmente 2 diferentes tipos de sangue - muitas vezes dois sexos diferentes






Uma mulher deveria ter o direito de controlar seu próprio corpo, mas uma mulher não deve ter controle sobre fim a vida do outro. Primeiro Coríntios 6:19-20 diz: "Não sabeis que o vosso corpo é templo do Espírito Santo, que está em vós, o qual recebestes de Deus Você não é sua;? Porque fostes comprados por um preço. Portanto, honrar a Deus com o seu corpo. "
O Fator de Viabilidade
• Argumento:  "O aborto é permitido quando o feto não é" viável ". Um feto que é incapaz de sustentar a vida fora do útero não é uma pessoa viável e não merece proteção da sociedade. "
Resposta:  Para definir a viabilidade como a habilidade de uma pessoa sobreviver sem assistência é perigosa porque a viabilidade de uma pessoa podem ser perdidos como resultado de lesão, doença, idade ou grave. Uma menina de 3 meses de idade, não pode sustentar a vida por conta própria. Nem pode um homem de 60 anos que é dependente de um respirador.
Mas será que suas situações negar a personalidade dessas pessoas? Não! Se essas pessoas são candidatas para a destruição? Não! Aqueles que insistem em um padrão de viabilidade remover a proteção de quem precisa mais. O fator de viabilidade não é um argumento válido. Deuteronômio 30:19-20 diz: "Eu pus diante de ti a vida ea morte .... Agora escolhe a vida, para que você e seus filhos possam viver."
A verdade bíblica, entregue compaixão, pode ajudar uma mulher aborto de espírito mudar seu curso, assim como outras informações críticas. Por exemplo, eu sempre recomendo um ultra-som para aqueles que contemplam o aborto, ciente de que pelo menos 84% ​​do tempo, uma mulher vai optar por manter seu bebê se ela pode ver sua imagem em seu ventre.
Discutindo o desenvolvimento fetal é uma outra maneira poderosa para ajudar as mulheres pensam de seus bebês como seres humanos vivos em vez de massas sem alma da matéria. Por exemplo, se eu aprender a nova mãe é de 12 semanas de gravidez, eu estou propenso a dizer, "Doze semanas - como maravilhoso Sabemos, então, que as armas do seu bebê e as pernas estão agora se movendo, e as unhas das mãos e pés pequenos têm já apareceu. Seu bebê está agora inspirando e expirando. Na verdade, ela pode estar chupando o dedo agora mesmo! "
Também estou ciente de que uma mulher que enfrenta uma gravidez não planejada pode ter muitas necessidades imediatas e práticas - de pré-natal e um lugar seguro para viver ... a roupa de transporte e de maternidade. Oferecendo encaminhamentos para centros de gravidez de recursos adequados e redes de serviços sociais pode ser um incentivo enorme, ajudando-a ver que ela não está sozinha nem fora das opções.
Eu não tenho tempo para cobrir todo este chão durante a minha chamada de meia hora com Sarah. Como o programa chegou ao fim, porém, deixei-a com este pensamento final:. "Não percebem que há a opção de adoção Moisés foi adotado ea forma como vêm mesmo para a família de Deus é pela adoção que é.. não indigno para uma criança se essa for a vontade de Deus. Uma vez que é a vontade de Deus para você manter a criança, então Deus lhe dará a sabedoria para saber o que fazer cada passo do caminho. "
Pensando que eu nunca saberia "o resto da história," você pode imaginar minha surpresa quando, na noite seguinte, Sarah me ligou para me dizer que tinha decidido contra o aborto. Meses depois, ela ligou novamente para atualizar-me sobre o estado da sua filhinha amada. Que alegria!
A Bíblia diz: "Para você criou meu ser mais íntimo, você cobriste-me no ventre de minha mãe eu te louvo porque eu sou assombrosamente maravilhoso me formaste." (Salmo 139:13). Ajudar aborto mulheres de espírito compreender as questões e opções que cercam uma gravidez indesejada é uma das oportunidades mais significativas - e ministérios -, qualquer cristão pode abraçar.
Saiba mais sobre junho e Esperança para o Coração, visitando hopefortheheart.org / CP .  Aqui você pode se conectar com junho no Facebook e Twitter, ouvir transmissões de rádio dela, ou encontrar muito necessários recursos.

Junho Hunt, conselheiro, autor apresentador de rádio, e fundador da Esperança ministério mundial Para o Coração, oferece uma perspectiva bíblica, enquanto as pessoas de coaching através de alguns dos problemas mais difíceis da vida. Junho é o autor de como perdoar. Quando você não sentir como ele, © 2007 Harvest House Publishers. Esperança para o Coração oferece orientação espiritual, oração sincera, recursos multimídia e aconselhamento bíblico-wise. Ligue para 1-800-488-HOPE (4673) para conversar com um representante do Atendimento Esperança, 7:30 am até às 1:30 am (CST).

Lascívia na Igreja